Maia e governistas acertam que denúncia contra Temer será votada até dia 17

Publicado em: 04/07/2017 às 09:24
Maia e governistas acertam que denúncia contra Temer será votada até dia 17

Por Naomi Matsui.

Líderes das bancadas na Câmara se reuniram na noite desta 2ª feira (3.jul.2017) na residência oficial do presidente da Casa, Rodrigo Maia.

Discutiram um cronograma para a tramitação da denúncia contra o presidente Michel Temer.

Ficou acertado que a defesa do presidente será entregue já nesta 4ª (5.jul). A leitura do parecer na Comissão de Constituição e Justiça seria realizada na 2ª da próxima semana (10.jul) e a votação na comissão seria 2 dias depois, na 4ª (12.jul).

Com isso, o governo pretende votar o relatório em plenário na 5ª (13.jul), 6ª (14.jul) ou, no máximo, na 2ª (17.jul), último dia de atividades do Congresso Nacional. Por ora, está descartada uma votação no fim de semana.

Alguns líderes também combinaram de se reunir no fim da manhã desta 3ª feira (4.jul) com o presidente da CCJ, Rodrigo Pacheco (PMDB-MG). Ele chega a Brasília nesta manhã e deve anunciar o relator da denúncia à tarde. Não há ainda a certeza da escolha de Pacheco entre deputados da base.

O encontro acontece em um momento crucial para o governo de Michel Temer. O Planalto trabalha para que a denúncia enviada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, seja enterrada o quanto antes, enquanto o governo ainda tem base no Congresso.

LISTA DE PRESENÇA

O encontro durou cerca de duas horas e meia. O ministro Moreira Franco (Secretaria Geral da Presidência)  e o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR) compareceram. Mas não permaneceram muito tempo.

Ao todo, havia cerca de 20 deputados presentes, entre eles:

  • o líder do governo no Congresso, André Moura (PSC-SE);
  • o líder do governo na Câmara, Aguinaldo Ribeiro (PB);
  • o líder da maioria, Lelo Coimbra (PMDB-ES);
  • o líder do PMDB Baleia Rossi (SP);
  • o líder do DEM, Efraim Filho (PB);
  • a líder do PSB, Tereza Cristina (MS);
  • o líder do PP, Arthur Lira (AL);
  • o líder do PR, José Rocha (BA);
  • o líder do Podemos, Alexandre Baldy (GO);
  • o líder do PRB, Cleber Verde (MA);
  • deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA);
  • deputado Carlos Marun (PMDB-MS);
  • deputado Rubens Bueno (PPS-PR).

PSDB

Principal aliado do governo na Câmara, o PSDB não teve nenhum deputado no encontro. Deputados da base aliada ao Planalto notam, inclusive, a pouca participação da bancada em eventos do tipo, frequentes em Brasília.

Fonte: Poder 360.

Deixe uma resposta