Univali censura dissertação de mestrado por citar Bolsonaro

De acordo com a Universidade do Vale do Itajaí (Univali), a medida veio para evitar “possíveis implicações jurídicas”

Foto: Pixabay

A procuradoria jurídica e coordenação da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), em Santa Catarina, censurou o título de uma dissertação de mestrado em Políticas Públicas por fazer referência ao presidente Jair Bolsonaro. De acordo com a Universidade, a medida veio para evitar “possíveis implicações jurídicas”.

O título censurado é “Bolsonaro no Divã: A erótica do poder, o desejo e a metástase do gozo nos entremeios das políticas públicas no Brasil”, da mestranda Neusa Maria Vasel. O trabalho explora, através de análise de discurso, as falas do presidente. O veto foi, especificamente, ao uso de “Bolsonaro no divã”. Esta é a primeira vez que um trabalho sofre esse tipo de interferência no programa de mestrado.

Um dos orientadores da dissertação, o professor Eduardo Guerini, disse em entrevista ao NSC Total que o projeto passou pela banca de qualificação e pelo seminário de apresentação, em que foi apresentada uma prévia da pesquisa. “Na banca de qualificação foi orientado que ela acrescentasse ‘Bolsonaro no divã’ ao título, porque Bolsonaro era o alvo da pesquisa, e ela estava usando a psicanálise”, explica.

A sugestão de retirar o nome de Bolsonaro é censura. Temos análises de programas de Lula e Dilma, por exemplo. Com críticas”, continuou.

O título foi censurado quando o trabalho chegou à fase de publicação do ato regimental, que antecede à banca final. A autora do trabalho preferiu não comentar o caso, que passou a circular sexta-feira nas redes sociais. A orientadora, Micheline Ramos de Oliveira, está em viagem e não foi localizada.

6 COMENTÁRIOS

  1. É uma universidade privada, bostonauros! O trabalho é da mestranda, o mestrado é dela. Provavelmente ela pagou bem caro por este curso. Não é legitimo impôr um título, que ela não escolheu. Se já houve trabalhos citando Lula, Dilma, por que não o Bozo? Pessoalmente, me daria dor de barriga tal tema. Destaque para os comentários energúmenos aqui no site. Alguns não passaram nem pelo Eja, e querem ditar regras para o mestrado dos outros? Xô! Vão para o Zap Zap dos descerebrados, teclar arminhas e outros símbolos, porque nem escrever ou concatenar meia dúzia de ideias vcs são capazes. Vão levar uns cigarros na cadeia para os assassinos de Marielle, visitar o Queiroz no Albert Einstein, ou catar coquinho na Vila da Pedra.

  2. Mudar o título da pesquisa é algo que os examinadores sugerem frequentemente, por diversas razões. Ou porque ele não condiz con os objetivos ou com a problemática do trabalho, ou porque ele pode gerar algum tipo de conflito, etc.

  3. Acertada a posição da Instituição!!! Parabéns!!! A influência esquerdista de alguns professores é responsável também pela disseminação de uma ideologia fracassada que levou o País ao caos!!! não gostaram, vão pra Venezuela ou pra Cuba!!!!

  4. A censura é o primeiro passo rumo à falência da democracia. Aqueles que por medo ou covardia silenciaram e silenciarem serão cúmplices dos fascistas de plantão. Para aqueles que são milicianos, fascistas, neofascistas, todos parte desta matilha de criminosos que hoje ocupa o poder, aguardem o julgamento da historia.

  5. Universidade é local de pesquisa, e censura é a ignorância extrema. Porém, estamos á caminho de um governo neonazista, extremamente perigoso, e esses pequenos e iniciantes atos são a prova que nos confirmam o caminho.

  6. Muito bem feito. Petralhas tem que se colocarem nos seus devidos lugares, na terceira posição depois de ninguém

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.