Vídeo: Versão de Mônica Moura não bate nem com a do marido

247 – Um vídeo preparado pelo internauta Paulo de Andrade comprova a fragilidade do depoimento de Mônica Moura, que disse em sua delação premiada que seu marido, o publicitário João Santana, foi alertado diretamente pela presidente deposta Dilma Rousseff sobre a iminente prisão do casal pela Lava Jato.

Em sua versão sobre os fatos, Mônica Moura diz que a própria Dilma telefonou para avisar João Santana da prisão. E que quem a avisou foi o então ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo. “Fomos avisados que foi visto um mandado de prisão assinado em cima da mesa de alguém na Polícia Federal”, diz ela.

O problema é que João Santana, em sua delação, contradiz o depoimento de Mônica. “Nunca veio um alerta seja de quem fosse, de alguém do governo, dizendo ‘olha, saiu o decreto’. Nós soubemos pela notícia”, relata Santana, em referência à imprensa.

Fonte: Brasil 247.

Você precisa estar logado para postar um comentário Login