Servidores do INSS aprovam continuidade da Greve

Greve

Texto e foto: Clarissa Peixoto e Marcela Cornelli.

Em Assembleia realizada no dia 24 de julho, em Florianópolis, os servidores do INSS em Santa Catarina aprovaram a continuidade da Greve por tempo indeterminado no Estado. A Greve completa 22 dias nesta terça-feira, dia 28/7. Em Santa Catarina, já são 49 municípios com servidores do INSS em greve, o que mantém o quadro em 80% de adesão. No País a adesão atinge 80%, sendo que somente no estado do Amazo9nhas não há greve nas Agências do INSS.

Os trabalhadores apontam a necessidade de melhorias nas condições de trabalho nas Agências da Previdência Social. O descontentamento da categoria é total diante da proposta apresentada pelo governo, de reajuste salarial de 21,3% em quatro parcelas até 2019. Na pauta de reivindicação apresentada em 25 fevereiro de 2015, dentre os principais pontos, destacam-se: a política salarial permanente com correção das distorções e reposição das perdas inflacionárias e índice linear de 27,3%; a data-base em 1° de maio; a paridade salarial entre ativos, aposentados e pensionistas; a incorporação de gratificações produtivistas; a isonomia de benefícios; a revogação das Medidas Provisórias 664 e 665, do Funpresp e da Ebserh e a retirada de todos os projetos do Congresso Nacional que atacam os direitos dos trabalhadores, como o PL 4330/2004, da terceirização.

A direção do Sindprevs/SC avalia que o momento é favorável e é preciso fortalecer o movimento de reivindicação dos servidores públicos federais, somando-se as demais categorias do serviço público que já estão em greve.

No Ministério da Saúde há adesões parciais em São Miguel do Oeste e Florianópolis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.