Manifestação em Jaraguá do Sul reivindica de deputado voto contra a reforma da Previdência

Foto: Sérgio Homrich

Por Sérgio Homrich.

O povo que luta ocupou as dependências da Câmara de Vereadores, no início da noite de 25 de julho, para fazer um protesto contra o deputado do PSL/SC, Fábio Schiochet, convidado a explanar as ações dos seis primeiros meses de mandato na Câmara Federal, entre elas, ter votado a favor da reforma da Previdência (PEC 06/2019), em primeiro turno. Integrado por lideranças dos movimentos sindical e social e do Movimento de Mulheres, o grupo abriu uma faixa para o público presente à sessão, enquanto o deputado falava aos vereadores. Durante a fala, Schiochet adiantou que votará novamente contra os trabalhadores em segundo turno.

+ Moro divulgou delação ‘fraca’ e sem provas de Palocci às vésperas da eleição

O deputado Fabio Schiochet havia sido convidado a participar da Plenária Sindical realizada no dia 23 de março e que debateu a Reforma da Previdência, porém, não compareceu. “É de extrema importância deixarmos claro ao deputado que os trabalhadores e os servidores públicos de Jaraguá do Sul e Região não querem morrer trabalhando. A comunidade deve repensar o seu voto nas eleições de 2020 e na eventualidade de reeleição de um deputado que traiu os trabalhadores. Se vota, não volta”, conclamou o diretor do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte Estadual), professor Francisco Assis Rocha, um dos manifestantes presentes. O segundo parlamentar eleito pela microrregião do Vale do Itapocu, Carlos Chiodini (MDB/SC) esteve na Plenária Sindical, ouviu os argumentos contrários à reforma da Previdência, mas também votou a favor da Proposta, em primeiro turno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.