Maior envolvido em lavagem de dinheiro segundo Lava Jato foi o Bradesco, mas UOL usa foto do Banco do Brasil

A blogueira Cynara Menezes foi quem chamou atenção para este detalhe nas redes.

Foto: Reprodução da internet

A jornalista Cynara Menezes, do Socialista Morena, usou as redes sociais para criticar a abordagem do portal UOL sobre a lavagem de dinheiro nos maiores bancos do Brasil. Apesar de o Bradesco, instituição particular, ser o maior envolvido no esquema que teria movimentado R$ 1,3 bilhão, o Banco do Brasil, que é público, estampou a matéria do portal.

Com jornalismo e ficção, o Documento Audiovisual “QUARENTA”, pra não esquecer, vai contar o que viveram e sentiram os moradores de Florianópolis e Região durante a ditadura militar, mais precisamente no fato conhecido como Novembrada que, no dia 30 de novembro, completa 40 anos. Saiba mais em https://www.catarse.me/quarenta

“O maior envolvido na história é o BRADESCO, mas o UOL usa a imagem do Banco do Brasil…”, criticou Cynara. “Eu ia comentar justamente isso!! Um BILHÃO no Bradesco e 200 milhões no BB, mas ilustram com BB”, comentou o professor Pedro Aguiar.

A jornalista comentava sobre a importância das revelações da Vaza Jato, do The Intercept Brasil, para a investigação sobre os bancos brasileiros. “A pergunta que não quer calar: se o The Intercept Brasil não tivesse revelado que a lava-jato POUPOU os bancos, algum dia eles seriam atingidos pela investigação?”, questionou.

Em reportagem publicada em agosto pelo veículo em parceria com o El Paíso procurador Roberson Pozzobon aparece reconhecendo que os bancos “faturaram muuuuito” com as movimentações financeiras do lobista Adir Assad. Ainda segundo a série de reportagens, Dallagnol livrou banqueiros da Lava Jato após vender palestra para a Febraban.

Pozzobon é o responsável pelas investigações que levaram à 66ª fase da Lava Jato do Paraná, na qual a operação investiga os bancos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.