Invadem Casa das Madres de Plaza de Mayo durante recesso judiciário

A líder da Associação Madres de Plaza de Mayo, Hebe de Bonafini, denunciou ontem, segunda-feira 29, que a justiça argentina emitiu uma ordem de invasão de domicílio, que tem como suposto fim realizar um “inventário da totalidade dos bens”.

A líder das Madres disse que o documento encaminhado pela justiça expressa que, de verificar que se encontra em risco a preservação da documentação no local, deverão “fechar o lugar” e limitar o acesso ao espaço onde está essa documentação.

Para a justiça argentina, a invasão de domicílio busca “inventariar a totalidade de bens”, enquanto que para as Madres a ordem “representa uma violação das garantias constitucionais”.

Os responsáveis da invasão disseram que estão habilitados a solicitar ajuda à força pública para entrar em domicílios, assim como pedir os serviços de um chaveiro, se for necessário.

Ver imagen en Twitter

Tradução: Tali Feld Gleiser, para Desacato.info.

Fontes: Telesur, Asociación Madres de Plaza de Mayo, C5N.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here