Informam centenas de mortos por confrontos no sul etíope

Publicado em: 27/09/2017 às 09:56
Addis Abeba, 26 sep (Prensa Latina) O governo etíope informou que centenas de pessoas morreram desde início deste mês em combates entre duas comunidades (grupos étnicos) que disputam territórios na região sul do país.

As etnias oromo e somalí lutam há vários anos pelo controle de zonas cultiváveis, localizadas ao longo da fronteira de suas respectivas regiões, apontaram meios de imprensa.

‘Podemos dizer que morreram centenas de membros da etnia oromo (…) e também tiveram mortos no lado somalí. Não sabemos exatamente quantos morreram. Está-se pesquisando’, expressou o porta-voz do governo etíope, Negeri Lencho, ao dar conta de continuidade das ações.

Lench destacou a criação de uma célula de crise para ajudar aos deslocados, e assegurou que o governo central e as autoridades locais iniciaram um gerenciamento mediadora entre os coflitantes , ao mesmo tempo que deslocaram unidades da polícia e do exército federal para restabelecer a calma.

Assim mesmo, o porta-voz indicou que em meados do mês, o presidente da região dos oromos, indicou que os confrontos deram lugar a matanças brutais e obrigaram a 50 mil cidadãos a fugir da zona.

Deixe uma resposta