Funcionário pinta “Fora Temer” no Museu Nacional durante revitalização

Funcionário pinta “Fora Temer” no Museu Nacional durante revitalização

Por Mariana Niederauer  Gabriella Bertoni.

“É a minha opinião política, nós temos liberdade de expressão”, disse o funcionário que pintou “Fora Temer” na fachada do Museu Nacional, nesta quarta-feira (05/04), enquanto trabalhava na revitalização do local, que foi alvo de pichações durante as manifestações em 2016.

Antes de terminar de pintar a parte mais alta da cúpula do museu, o trabalhador decidiu pichar a frase em que critica o chefe do Executivo federal. Logo depois, apagou os dizeres com a mesma tinta branca. O registro do fotógrafo do Correio Marcelo Ferreira mostra o momento em que o homem termina de pintar a frase.

Depois de descer da estrutura que o erguia, o funcionário não quis se identificar, nem conceder entrevista, apenas disse que estava exercendo a liberdade de expressão e se defendeu, afirmando que pintaria a parede por cima depois.

Funcionário terceirizado pintou o “Fora Temer”, diz GDF

Segundo o GDF, a obra é de responsabilidade da Secretaria de Cultura e tem como objetivo evitar possíveis infiltrações. A pintura é a última fase do processo, que passou antes por lavagem e impermeabilização. Segundo a secretaria, a primeira etapa utilizou água não tratada, de caminhões-pipa vindos de Cristalina (GO).

A previsão inicial para duração do serviço, que começou em 11 de março, era de 20 dias, mas, por conta da chuva, o prazo foi adiado para 21 de abril, aniversário de Brasília.

Em nota, a Secretaria de Cultura informou que já entrou em contato com a firma contratada para realizar os serviços. A pasta garantiu que a pintura é uma atitude isolada de um funcionário de firma terceirizada contratada, e acrescentou que o dono tomará as providências cabíveis com relação à conduta do empregado.

Fonte: Correio Braziliense

Você precisa estar logado para postar um comentário Login