Dilma anunciou demarcação de três terras indígenas

images-cms-image-000430090

247 A presidente Dilma Rousseff anunciou neste sábado (18) a demarcação de três terras indígenas na região norte do país. Um decreto de homologação será publicado no Diário Oficial da União de segunda-feira (20).

Em nota oficial, o governo informa que a área total a ser demarcada terá 232.544 hectares e atenderá a reivindicações de quatro etnias que vivem nos estados do Amazonas e do Pará.

“Nesta semana, o Governo Federal recebeu representantes da Articulação Nacional dos Povos Indígenas, e o ministro da secretaria-geral da Presidência, Miguel Rossetto, reafirmou o compromisso com os direitos dos povos indígenas”, diz a nota oficial divulgada neste sábado.

Além das demarcações, o Planalto informou que o ministério do Planejamento deverá publicar, na próxima quarta-feira (22) uma autorização para a nomeação em 220 cargos para agentes da Funai (Fundação Nacional do Índio).

A terra indígena Arara da Volta Grande do Xingu, habitada por povos Arara e Juruna, tem 25,5 mil hectares e está localizada no município de Senador José Porfírio (PA). Ela está inserida nos procedimentos de licenciamento da Usina de Belo Monte.

Já a terra indígena Mapari, no Amazonas, está localizada nos municípios de Fonte Boa, Japurá e Tonantins. É a maior das três novas reservas, com 157.246 hectares, e é habitada por índios kaixana.

Ocupando territórios dos municípios de Borba e Novo Aripuanã (AM), a terra indígena Setemã atende a reivindicação de índios mura. Possui área de 49.773 hectares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.