Colapso econômico em 2017: por quê o dólar estadunidense será papel higiênico global?

dolar-papelPor Amber William.

Tradução: Dinâmica Global.

Este será o primeiro evento que vai tocar cada pessoa viva no mundo. Toda a atividade humana é controlada por dinheiro. Nossa riqueza, nosso trabalho, nossa comida, nosso governo, mesmo nossos relacionamentos são afetados pelo dinheiro”.

“Nenhum dinheiro na história humana teve tanto alcance tanto em amplitude como em profundidade como o dólar. É de fato a moeda do mundo. Todos os outros colapsos monetários são insignificantes em comparação com este grande problema. Todas as outras crises cambiais têm sido regionais e havia outras moedas para as pessoas se agarrarem.”

“O colapso do dólar será o grande evento na história humana!”


Leia também: É o fim do dinheiro? Transações digitais desafiam a continuidade das cédulas.

 

“Este colapso será global e vai derrubar não só o dólar, mas todas as outras moedas fiduciárias, visto que elas não são fundamentalmente diferentes. O colapso das moedas vai levar ao colapso de todos os ativos de papel. As repercussões para isso terão resultados incríveis em todo o mundo.”

“O que torna essa história ainda mais irritante, é que não era necessário. Isso não tem que acontecer.”

Uma moeda que é criada e controlada por um governo. Em outras palavras, ela existe pelo governo “fiat”. Usando o dólar como um exemplo, o Federal Reserve dos EUA cria novos dólares simplesmente ao imprimi-los ou injetando “reservas” eletrônicas no sistema bancário. A oferta de dólares depende, assim, das decisões de nossos oficiais eleitos e seus administradores nomeados como os governadores do Fed.

Um exemplo de uma moeda não-fiat seriam as moedas de ouro e de prata que eram usadas para circular em grande parte do mundo. Havia apenas muito de cada metal, e o fornecimento só aumentou quando alguns mineiros empreendedores descobriram e escavaram mais. Os governos foram incapazes de criar esse tipo de dinheiro do nada.

Como o dólar, o euro de hoje, o iene japonês e a libra britânica são todas moedas fiat. E – aqui está o ponto – a cada moeda fiduciária crucial que existiu antes do lote atual acabou por ser destruída por seu governo.

O que acontece quando o dólar cai?

Muitas coisas, a maioria delas má. Quando os investidores estrangeiros e os bancos centrais pararem de exigir dólares, os preços dos títulos dos EUA vão cair, que é outra maneira de dizer que as taxas de juros dos EUA vão subir. As taxas de hipoteca e de cartão de crédito vão subir, enviando a economia EUA de volta à recessão. O governo dos EUA irá responder abrindo as comportas monetárias, a impressão de muitos dólares de papel conforme necessário para conversar a economia do colapso. Este aumento na oferta irá enviar o valor do dólar até o chão. Os preços para a maioria das coisas vai disparar, e as economias de vida das pessoas, que são em dinheiro, certificados de depósito bancários ou títulos denominados em dólar, serão eliminadas. Muitas empresas financeiras e de manufatura dos EUA vão ser arruinadas, juntamente com os seus acionistas.

Você seria capaz de sustentar seus entes queridos, quando o mundo desabar? Neste vídeo, descobri um segredo há muito esquecido que ajudou nossos ancestrais a sobreviver às fomes, guerras, crises econômicas, doenças, secas, e tudo mais que a vida lançou sobre eles… um segredo que irá ajudá-lo a fazer o mesmo para seus entes queridos, quando a América se desintegrar no chão.


Leia também: Economistas afirmam: o mundo está a beira do pior colapso da história.

 

Então, a doença dólar vai ser global. A única razão pela qual o Japão ou a Europa têm sido capazes de gerar as suas atuais taxas ínfimas de crescimento é a disposição dos consumidores norte-americanos de comprar seus Hondas e BMWs. Conforme os mergulhos do dólar, bens asiáticos e europeus, com preços em moedas de repente, apreciando, vão tornar-se proibitivamente caros para os consumidores norte-americanos, que devem responder por comprar alternativamente produtos de fabricação nos EUA ou absolutamente nada. Ao interpretar corretamente esta mudança nos padrões de compra como uma ameaça aos seus setores vitais de exportação, os líderes europeus e asiáticos vão responder com a única arma que lhes resta: a inflação monetária. Eles vão cortar as taxas de juros e comprar dólares com suas moedas, inundando o mundo com euros e ienes da forma como os EUA agora inundam o mundo com dólares. O resultado dessas “desvalorizações competitivas” será uma espiral de morte para todas as principais moedas fiat, onde as obrigações europeias e japonesas irão, finalmente, tarifar tão mal quanto seus primos estadunidenses.

Nenhum dinheiro na história humana teve tanto alcance tanto em amplitude como em profundidade como o dólar. É de fato a moeda do mundo. Todos os outros colapsos monetários são insignificantes em comparação com este grande problema. Todas as outras crises cambiais têm sido regionais e havia outras moedas para as pessoas se agarrarem.

Fonte: Dinâmica Global.

Você precisa estar logado para postar um comentário Login