Ciranda infantil é tema de curso de capacitação de jovens atingidos

13
Os educadores/as participantes da capacitação terão a tarefa de multiplicar o conteúdo discutido na etapa nacional e realizar as cirandas infantis com as crianças atingidas.

Nos dias 04 a 09 de outubro realizou-se a 1º etapa do Curso Nacional de Formação e Capacitação de jovens Educadores/as infantis atingidos por barragens, em Guararema, SP.

O objetivo desse processo de formação é a capacitação de jovens educadores/as infantis atingidos por barragens, que serão responsáveis por desenvolver um trabalho político-pedagógico na Ciranda Infantil com as crianças atingidas por barragens, de modo a fortalecer a participação e o protagonismo destas crianças como sujeitos de direitos.

Os temas trabalhados na formação permearam os seguintes eixos: História dos atingidos por barragens e da Infância e da Educação Infantil; Questão Energética no Brasil e a violação dos direitos humanos;  A Ciranda Infantil no Movimento dos Atingidos por Barragens; Culturas infantis e culturas da infância; e Brincadeiras.

Os educadores/as terão a tarefa de multiplicar o conteúdo discutido na etapa nacional para outros educandos estaduais e também realizar as cirandas infantis, com as crianças atingidas, nas diferentes atividades e espaços que se encontram os atingidos por barragens.

Para Jéssica Portugal coordenadora do projeto, “este momento foi muito importante para criarmos os coletivos em cada estado onde atuamos e aperfeiçoar nosso trabalho com as crianças atingidas por barragens”.

Na formação estiveram presentes jovens Atingidos por Barragens e jovens da Universidade Estadual de Campinas e Universidade Federal Fluminense, oriundos de vários estados do Brasil.

Essa atividade aconteceu numa parceria estabelecida entre ANAB (Associação Nacional dos Atingidos por Barragens) e Secretaria Especial de Direitos Humanos, vinculada ao Ministério da Justiça e Cidadania.

Fonte: MAB.

Você precisa estar logado para postar um comentário Login