Vídeo: Marco Temporal a partir da análise do CIMI e lideranças indígenas

Publicado em: 16/08/2017 às 10:16

O Portal Desacato acompanhou a assembleia do Conselho Indigenista Missionário – Cimi, na região Sul, no município de Águas de Chapecó/SC, no final de julho, onde estiveram reunidos/as aproximadamente 20 lideranças de Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul, São Paulo e Rio de Janeiro.

O Secretário Executivo do CIMI, que tem atuação em Brasília, Cleber César Buzatto explicou que durante a assembleia o grupo acompanhou uma assessoria feita pelo Pastor Lobo, do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) de Palmitos/SC. O tema envolveu a análise da conjuntura política brasileira na atualidade, fazendo um resgate das discussões ligadas à política indigenista. Buzzato salientou que durante o final de semana a programação seguiu com avaliação e planejamento junto a lideranças indígenas de SC e RS. “No sábadoconversamos com as lideranças indígenas para ouvir a partir da realidade delas uma avaliação sobre o momento, considerando os novos ataques que os trabalhadores/as estão sofrendo. Sabemos que esses ataques são extremamente agressivos e estão à serviço do capital, do agronegócio, dos banqueiros, das indústrias. Por isso precisamos seguir nos organizando, fazendo esse estudo e ouvindo as realidades”, disse ele.

Apresentamos nesse vídeo entrevistas que mostram diversas realidades de resistência e luta dos povos indígenas especialmente nesta quarta-feira, que acontece a discussão e votação do Marco Temporal .

Produção e Imagens: Claudia Weinman, Julia Saggioratto e Pedro Pinheiro
Edição: Julia Saggioratto
Direção Geral de Jornalismo: Tali Feld Gleiser

Acompanhe essa produção:

Deixe uma resposta