Um exemplo da falta de governo: o que fazer com municípios que fecham a entrada?

Via Expressa sem filas. Ônibus de outras cidades não podem entrar na Ilha de Santa Catarina. Enviada por whatsapp

Por Luis Nassif.

Um exemplo das extradorinária inépcia das autoridades federais.

Antes de ontem, o Ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta alertou que decisões sobre passagens é atribuição do governo federal. Justo!

Mas o que acontece quando cidades fecham divisas? Que tipo de atitude o cidadão pode tomar? Não há nenhuma orientação, nenhuma informação.

Recebo telefonemas de conhecidos de Guaranésia e Poços de Caldas. Em ambos os casos, a divisa foi fechada. Em um caso, a pessoa tem um irmão em estado terminal e a mãe morando sozinha em Guaranésia. Tentou ir até lá acudir a mãe e não conseguiu entrar.

É um problema, entre milhares do Brasil inteiro. Qual a orientação federal? Não se sabe.

A esta altura, houve efetivamente um estado maior nessa econoima de guerra, estariam sentados Ministros do Executivo, de tribunais, definindo uma linha comum e fazendo as ordens chegar na ponta.

Mas não temos governo.

A opinião do/a autor/a não necessariamente representa a opinião de Desacato.info.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.