TJ nega recurso e ex-governador de Minas Gerais é condenado

O ex-senador e ex-governador de Minas Gerais Eduardo Azeredo foi condenado a 20 anos de prisão por peculato e lavagem de dinheiro no processo do mensalão tucano. Seus últimos recursos na segunda instância foram negados nesta terça-feira 22 por cinco desembargadores do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ-MG), que votaram também pela expedição imediata do mandado de prisão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.