Temer viaja para sair do noticiário policial

2017-06-19 22:23
Temer viaja para sair do noticiário policial

Por Alex Solnik.

Somente um mandatário irresponsável seria capaz de, em meio a uma enorme crise econômica, política e social e às vésperas de importantes decisões na área judicial tirar uma semana de férias para fazer duas visitas sem nenhuma importância, uma à Rússia, outra à Noruega, com o dinheiro dos brasileiros.

A viagem não serve para nada, a não ser tirá-lo do foco da Lava Jato e de outras operações da Polícia Federal em cujo radar o presidente foi detectado.

E do noticiário policial. Os jornais vão ser obrigados a falar, esta semana, de seu encontro com Putin e não da mala do Rocha Loures.

Nosso comércio bilateral com a Rússia é pífio e não vai ser incrementado com essa viagem, cujo propósito é convencer os russos de que a carne brasileira tem boa qualidade.

Para isso Temer não precisava ter ido a Moscou, bastaria mandar o Blairo Maggi, mesmo porque duvido que Temer vá conversar sobre carne com Putin porque não vai querer entrar em detalhes a respeito de sua desavença com o dono da carne brasileira. Maggi vai falar disso, não ele. Então para que ele foi? Para ganhar dois dias longe do Brasil.

Além disso, vais ser uma fria para Putin: na semana passada os russos protestaram contra a corrupção em várias cidades e não vão gostar de ver seu presidente abraçado com um dos símbolos do que reprovam.

A viagem à Noruega é ainda mais inútil. É certo que os noruegueses são fãs da cultura brasileira, mas negócios entre os dois países não têm relevância na nossa balança comercial. Só entrou no roteiro para retardar em dois dias a volta ao Brasil.

A que ponto chegamos: para sair do noticiário policial o presidente da República tem que viajar.

Fonte: Brasil 247.

Deixe uma resposta