Temer reúne ‘Conselhão’ pela 1ª vez sem CUT, CTB, MST e UNE no dia 21

Temer reúne ‘Conselhão’ pela 1ª vez sem CUT, CTB, MST e UNE no dia 21

O Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), o chamado Conselhão, fará sua primeira reunião sob a gestão Temer no próximo dia 21, no Palácio do Planalto. Remodelado, o colegiado de consultoria da Presidência da República não tem mais representantes da CUT, da CTB, da União Nacional dos Estudantes (UNE) e da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), entre outros. Das centrais, participam Força Sindical (dois representantes, João Carlos Gonçalves, o Juruna, e Ruth Coelho Monteiro), CSB (Antonio Neto), UGT (Ricardo Patah) e Nova Central (José Calixto Ramos). O diretor técnico do Dieese, Clemente Ganz Lúcio, permanece.

Da CUT, saíram os presidentes da central, Vagner Freitas, a vice, Carmen Foro, e os presidentes do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Rafael Marques, dos Bancários de São Paulo, Juvandia Moreira, e da Apeoesp (sindicato dos professores da rede pública estadual paulista), Maria Izabel Azevedo Noronha, a Bebel. O representante do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) Alexandre José da Conceição também foi excluído do colegiado. Outros críticos ao governo deixaram o Conselhão, como o ator Wagner Moura e o escritor Fernando Morais. Cada um recebeu mensagens por escrito ou telefonemas informando sobre suas respectivas “demissões”.

Continuam nomes como os dos empresários Luiza Trajano, Abílio Diniz, Jorge Gerdau, Luiz Carlos Trabuco e Roberto Setúbal, além do presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Andrade. Passam a fazer parte do Conselhão a ex-ministra Dorothea Werneck e a ex-presidenta do Superior Tribunal Justiça (STJ) Eliana Calmon. Entre os novos, estão o ator Milton Gonçalves, o ativista José Júnior, do AfroReggae, e o ex-jogador de futebol Raí.

O Conselho se reuniu pela última vez em janeiro.

Fonte: Sul21

Você precisa estar logado para postar um comentário Login