Reflexões sobre a (in)segurança pública carioca

Reflexões sobre a (in)segurança pública carioca

Em artigo, Rachel Barros, educadora da FASE no RJ, diz que é preciso criar um discurso que não seja apenas combativo e de denúncia, mas que dispute a compreensão e a crença da população em relação a violência urbana instaurada na cidade Por Rachel Barros.¹ Por que aceitamos, sem protestos que comovam toda a sociedade, […]