Spray de pimenta contra povos indígenas na Câmara dos Deputados

A Polícia Legislativa da Câmara de Deputados utilizou spray de pimenta contra indígenas, quilombolas, pescadores, pescadoras e quebradeiras de coco na manhã desta quarta, 23 de novembro, em frente ao anexo 2.

Os povos e comunidades tradicionais queriam acompanhar a sessão da CPI contra a Funai e o Incra 2, que estava marcada para as onze horas. Ao tentar entrar, foram barrados pela segurança e dispersados com muito spray de pimenta. Crianças passaram mal e até uma criança de colo foi atingida.

Como em diversas outras ocasiões, em mais uma demonstração da falta de democracia que vigora na “Casa do Povo”, os povos e comunidades tradicionais foram barrados e impedidos de acompanhar uma CPI que lhes diz respeito. Os deputados ruralistas, principais interessados na retirada de seus direitos, dirigem a CPI sem que povos indígenas e quilombolas sequer possam acompanhar as sessões.

Assista ao vídeo

Fonte: CIMI.

Você precisa estar logado para postar um comentário Login