Senado dos EUA aprova limitação de poderes de Trump em ações contra o Irã

O Senado dos Estados Unidos aprovou na noite desta quinta-feira (13/02) uma resolução para reduzir os poderes do presidente Donald Trump em lançar ataques contra o Irã.

MRX21. Washington (United States), 04/08/2017.- US President Donald J. Trump walks across the South Lawn of the White House to depart by Marine One, in Washington, DC, USA, 04 August 2017. Trump travels to Bedminster, New Jersey, for a vacation. (Estados Unidos) EFE/EPA/MICHAEL REYNOLDS

O Senado dos Estados Unidos aprovou na noite desta quinta-feira (13/02) uma resolução para reduzir os poderes do presidente Donald Trump em lançar ataques contra o Irã.

A resolução foi aprovada por 55 votos a favor e 45 contra, o que significa que o documento ganhou o apoio não só dos senadores democratas, mas também de alguns republicanos.

A legislação aprovada obriga a aprovação do Congresso de eventuais operações militares contra o Irã. Os proponentes afirmaram que seu objetivo não é limitar completamente as decisões de Donald Trump no plano internacional.

A questão de quem deveria tomar a decisão sobre possíveis operações militares contra o Irã tornou-se atual depois que o general iraniano Qassem Soleimani foi assassinado perto do Aeroporto Internacional de Bagdá, em 3 de janeiro de 2020.

A operação foi decidida pessoalmente pelo presidente dos Estados Unidos, sem qualquer consulta ao Congresso.

Após o bombardeio que matou Soleimani, a primeira reação de Trump foi a de sugerir uma operação de destruição massiva de alvos no Irã, incluindo locais considerados pela Unesco como Patrimônio Mundial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.