SC supera número em transplantes

Publicado em: 23/09/2017 às 12:26
SC supera número em transplantes

Dados consolidados até julho revelam que o índice catarinense de doadores de múltiplos órgãos alcançou 36,8 por milhão de população (pmp), mais do que o dobro da média nacional, de 14,6.

O desempenho alcançado pelo estado supera até mesmo os da Espanha, país líder mundial em transplantes de órgãos e que serviu de modelo para Santa Catarina. No país ibérico, entretanto, as doações envolvem casos de mortes encefálicas e de mortes ocorridas a partir de paradas cardiorrespiratórias. Em SC, são abordados exclusivamente casos de mortes encefálicas.

Nos meses de agosto e setembro, os resultados de captação seguiram em crescimento. No período de 11 a 15 de setembro, a SC Transplantes que é vinculada à Secretaria de Estado da Saúde, obteve a captação de 45 órgãos no território catarinense a partir do registro de 19 notificações de óbito que resultaram em 15 doadores. Foram captados 27 rins, 12 fígados, três corações, dois pâncreas e um pulmão”, conforme Joel Andrade, presidente da SC Transplantes.

Capacitações e parcerias envolvidas
Instituída em 1999, a SC Transplantes é composta por uma equipe de 24 profissionais, entre médicos, enfermeiros e administradores, além de 11 acadêmicos, dos quais nove de medicina e dois de administração. O sistema trabalha atualmente com transplantes de órgãos como coração, fígado, rim, córneas, medula óssea, além de pele e enxerto ósseo. Atualmente, há um coordenador de transplante em cada hospital do estado, que concilia a função executada dentro do hospital com o trabalho de captação junto às famílias, o que possibilitou que nos últimos 10 anos a média de negativas nas entrevistas para doação caiu de 70% para 24%.

A celeridade necessária para os transplantes é possibilitada pela Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros Militar para a obtenção de apoio aéreo.

Para ser um doador de órgãos é necessário conversar com a família e manifestar esse desejo. Quando essa vontade fica clara, a família respeita e acata a decisão caso a pessoa venha a ser um potencial doador.

Números da SC Transplantes

Total de pacientes em lista de espera

Dez/2012 – 1.401

Dez/2013 – 1.206

Dez/2014 – 850

Dez/2015 – 637

Dez/2016 – 535

 

Doadores efetivos de múltiplos órgãos (morte encefálica)

2012 – 165

2013 – 170

2014 – 202

2015 – 203

2016 – 251

 

Fonte:  AGÊNCIA AL

 

Deixe uma resposta