Santander adquire Banco Popular por um euro e torna-se no maior banco ibérico

Publicado em: 07/06/2017 às 09:50

 A aquisição do Banco Popular acontece depois de uma descapitalização de quase mil milhões de euros na Bolsa de Madrid, e transforma o Santander no maior banco tanto em Portugal como em Espanha.

Santander adquire Banco Popular por um euro e torna-se no maior banco ibérico

O Banco Santander anunciou a aquisição de 100% do Banco Popular por um euro. A operação acontece em concertação com o Banco Central Europeu, após a instituição europeia ter decretado o BP inviável.

Nos últimos dias, o Banco Popular perdeu 50% do seu valor bolsista, no que foi descrito como “uma significativa deterioração da sua posição de liquidez”. De facto, na terça-feira, registava-se a oitava sessão consecutiva de perdas na Bolsa de Madrid, o que resultou em mais de mil milhões de euros de descapitalização. Em Portugal, a CMVM suspendeu de forma cautelar a negociação das ações do Banco Popular pouco antes de o negócio ser anunciado.

Em comunicados paralelos, o Fundo de Reestruturação Ordenada Bancária (FROB) e o Santander definem a operação como “competitiva”, e realizada “no âmbito de uma medida de resolução”, definida pelo Conselho Único de Resolução Europeu, que é executado pelo FROB.

A aquisição implica um aumento de capital de quase 7 mil milhões de euros, destinadas a garantir “o capital e as provisões necessárias para reforçar o balanço do Banco Popular”.

Em termos de volume de negócios, o Banco Santander é oficialmente o maior banco tanto de Espanha como Portugal.

A crise financeira de 2011 lançou Espanha num programa de reconversão de ativos tóxicos que resultaram na criação, em 2012, do Sareb, um “banco mau” cuja missão seria limpar o sistema financeiro, num programa de intervenção dirigido pela União Europeia. Mariano Rajoy era então primeiro-ministro, posição que mantém.

Fonte: Esquerda.net.

 

Deixe uma resposta