Projeto “Cantos e Cordas, um outro olhar do Sul”

Publicado em: 04/07/2017 às 08:23
Projeto “Cantos e Cordas, um outro olhar do Sul”

Por Claudia Weinman, para Desacato. info. 

Na segunda quinzena do mês de julho, os Trovadores Pedro Munhoz e Pedro Pinheiro se apresentarão em São Miguel do Oeste, Guarujá do Sul e Abelardo Luz que são municípios do estado catarinense. O projeto a ser apresentado denomina-se “Cantos e Cordas, um outro olhar do Sul”.

Da esquerda para direita, os Trovadores Pedro Pinheiro e Pedro Munhoz.

Pedro Munhoz, que é músico e compositor e reside em Porto Alegre, destaca que o projeto será realizado primeiro no Sul do país e depois, em outras regiões do Brasil. Ele também fala sobre quem é o Trovador, destacado nesse projeto. “O Trovador sempre traz uma palavra e uma canção de resistência. Ele traz essa canção invisibilizada que faz parte da história daqueles e daquelas que não ‘fazem parte da história’. Estarei com o jovem Trovador, Pedro Pinheiro, percorrendo o Sul do Brasil e depois o restante do país levando esse projeto, essas canções e histórias que para nossa visão, são muito importantes”, explicou.

Pedro Pinheiro, músico popular, está iniciando esse trabalho de Trovador ao lado de Pedro Munhoz. Pinheiro é natural da cidade de Guarujá do Sul/SC e vive em São Miguel do Oeste. “Vou começar esse trabalho ao lado de um grande companheiro que é o músico Pedro Munhoz, nessa segunda quinzena do mês de julho, mostrando essa outra música, esse outro canto e essas outras histórias”, disse ele.

Agenda:

As datas das apresentações serão divulgadas em breve. Para acompanhar essa agenda basta ficar ligado/a no #DesacatoCulturaria, por meio do Portal Desacato, no site e facebook. Semanalmente vamos estar divulgando informações sobre esse projeto. Nas páginas oficiais dos músicos você também acompanha a programação.

Acesse:

Portal Desacato: https://www.facebook.com/Portal.Desacato/.

Pedro Munhoz: https://www.facebook.com/pedro.munhoz.581.

Pedro Pinheiro: https://www.facebook.com/violaopedro/.

 

Deixe uma resposta