Presidente alemão reconhece ‘genocídio’ armênio e ‘corresponsabilidade’ da Alemanha

armenios

A Alemanha reconheceu nesta quinta-feira pela primeira vez o “genocídio” armênio pela voz de seu presidente, Joachim Gauck, que destacou a “corresponsabilidade” alemã na crime.

“Nós também devemos, nós alemães, fazer o nosso trabalho de memória”, declarou, referindo-se a “corresponsabilidade e, potencialmente, até mesmo cumplicidade (da Alemanha) no Genocídio Armênio”, durante uma cerimônia religiosa em Berlim, na véspera do centenário oficial dos massacres perpetrados pelos turcos otomanos, que fizeram 1,5 milhão de vítimas entre 1915 e 1917.

Fontes: AFP e EM.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.