Portal Desacato apoia e convoca à Greve Geral do dia 30 de junho

Publicado em: 28/06/2017 às 09:58

Entre a Greve Geral histórica de abril e a greve deste dia 30 de junho de 2017, mediou mais roubalheira, mais corrupção em todos os poderes, mais entrega da Soberania, mais agressão aos direitos dos Trabalhadores e Trabalhadoras, mais escárnio aos excluídos, ao meio-ambiente, à cultura e à dignidade nacional.

A seguir, repetimos nosso Editorial desta semana no Jornal dos Trabalhadores e Trabalhadoras e no Informativo Paralelo, com a finalidade de expressar de forma clara nossa posição. O fazemos como jornalistas e como cidadãs e cidadãos responsáveis.

“A greve é um direito legítimo da Classe Trabalhadora. Foi com greves e ocupação de ruas, que trabalhadoras e trabalhadores do Brasil obtiveram suas conquistas históricas.
Quando essas conquistas são colocadas a risco, a greve, além de legítima, é imprescindível.

O Estado brasileiro ostenta um governo ilegítimo; que nos seus três poderes atua em favor das oligarquias e dos monopólios. Está ajoelhado aos interesses internacionais e está derretendo a soberania nacional. Esse Estado ataca brutalmente as conquistas dos trabalhadores.

O governo de Michel Temer conseguiu aprovar a Lei das Terceirizações que nos coloca de novo no século 19. No entanto, não está satisfeito e quer mais.

Pretende aprovar a contra-reforma da Previdência, enquanto a contra-reforma trabalhista está emperrada no Senado. É papel deste governo, garantir aos poderosos mais benefícios e mais lucros com menos direitos dos trabalhadores. Quer dificultar ao máximo sua aposentadoria e privatizá-la.

A resposta precisa ser contundente no dia 30 de junho, em todo o território nacional.”

O Portal Desacato, mais uma vez, se soma à convocação da Greve Geral afirmando seu compromisso com nossa classe.

Todo o apoio à Legítima Greve contra as Medidas do Ilegítimo Governo!

Cruze os braços, não compre nada, lute pelos seus direitos!

Faça desta Greve mais um momento histórico da Luta da Classe Trabalhadora!

Estaremos informando, fotografando, filmando e transmitindo ao vivo, mas, não estaremos trabalhando, estaremos militando como trabalhadores e trabalhadoras da imprensa. Este dia de militância também é por nossos direitos!

Participe da Greve!

#Desacato10Anos
#AMídiadosTrabalhadores

Deixe uma resposta