Outros 50

Por Rosangela Bion de Assis, para Desacato.info.

As luzes do entardecer

relembram

Que logo o dia acaba

E não deu pra fazer tudo.

Tudo que meu coração ansioso desejava

Uma onda de cansaço tenta me derrubar

Respiro fundo

(será um condicionamento?)

Avalio que ainda posso prosseguir.

Avalio com carinho

Não devo abusar das drogas, dos sentimentos, dos tratamentos.

Quem sabe uma sopa?

Um banho?

Me reponham alguns pontos de bateria.

As nuvens logo perderão o colorido.

Quase não quero escrever para poder admirá-las

E lá vou eu para última dose de café.

Quando mesmo não foi assim?

As últimas nuvens coloridas foram desaparecendo

Os tons mais claros se dissipando

Então vieram as luzes

Penso que ainda posso escrever noite adentro

Amanhã poderá chover

Poderei recuperar aquelas imagens.

Todo fevereiro repito a mesma histeria festiva

Até março

e serão outros 50.

 

 

Foto: Tali Feld Gleiser.

Rosangela Bion de AssisRosangela Bion de Assis é jornalista, poetisa e presidenta da Cooperativa Comunicacional Sul

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here