O que você tem em comum com Mick Jagger, pergunta a revista Exame. Vai trabalhar até depois dos 70, responde

exame-jagger

Por Antonio Mello.

O dinheiro opera milagres. A injeção de grana do golpista Temer nos órgãos da mídia corporativa está fazendo com que o fato do trabalhador perder direitos e ter que trabalhar até depois dos 70 anos para sobreviver seja considerado uma dádiva, que o coloca em pé de igualdade com o superstar Mick Jagger, dos Rolling Stones.

Além do fato de ambos serem humanos, o que têm a ver o multimilionário Mick Jagger e um trabalhador braçal, piloto de britadeira, um carregador de tijolos, uma empregada doméstica, um motorista de ônibus?

A chamada deles para a edição da revista no Facebook é simplesmente esta:

 Trabalhar para sempre. E sem drama.
Cada vez mais aposentados estão descobrindo que não é preciso viver na praia para ser feliz depois dos 65.
Saiba como chegar lá. Leia nesta edição de Exame 😉

Esse é o nível do chamado jornalismo brasileiro. Ainda há quem defenda essa corja. “Eles estão apenas trabalhando”.

Essa desculpa, meus caros, é a mesma dos nazistas em Nuremberg . Eles também estavam apenas trabalhando, cumprindo com seu dever, fazendo o que lhes mandavam.

Nojo.

Fonte: Blog do Mello.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.