Morreu a travesti Luana Muniz, um dos símbolos da Lapa

luana

Morreu, na madrugada deste sábado, a travesti Luana Muniz, 59 anos, um dos símbolos da Lapa. Luana ficou famosa pelo bordão ‘Travesti não é bagunça’, e por acolher travestis, transexuais, portadores de HIV, prostitutas e pessoas em situação de rua em um casarão na Rua Mem de Sá.

Luana era uma das fundadoras do projeto Damas da Prefeitura, que capacita travestis e transexuais para o mercado de trabalho. Ela também presidia a Associação dos Profissionais do Sexo do Gênero Travesti, Transexuais e Transformistas do Rio de Janeiro.

Fez um trabalho social incrível, além de se colocar com orgulho de ser travesti e defender sua identidade e dignidade. Desejamos muita força e luz e que faça uma passagem suave.

Luana Muniz descanse em paz!

Fonte: Rede Trans Brasil

Você precisa estar logado para postar um comentário Login