Ministro de Temer processa servidor público que o chamou de ‘golpista’ em avião

O ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima, um dos principais articuladores do presidente empossado Michel Temer, está processando o servidor público que o hostilizou durante um voo de Brasília a Salvador, em agosto deste ano.

Com palavras de ordem e acusação de “golpista”, o homem apontava Geddel por tentar salvar o ex-presidente da Câmara e deputado cassado, Eduardo Cunha. No vídeo, que viralizou na internet, o ministro permanece calado diante da situação.

Posteriormente, ele decidiu pedir R$ 50 mil em indenização pelo escracho. Geddel é conhecido por responder críticas prontamente e de forma ácida, mas preferiu o silêncio sobre o caso.

Veja o vídeo:

Foto: Paulo Macedo / Bocão News

Fonte: Revista Fórum.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.