Mais um, mais dois, mais três: JTT Diário Ao Vivo, estreia em março

Por Raul Fitipaldi, para Desacato.info

Diversas vezes afirmei que o Portal Desacato surgiu como uma resposta ao nosso desencanto com a esquerda institucional no início deste século. Em 25 de agosto de 2007 inauguramos esse espaço sem pretensões de que durasse mais de um mês. Foi um ato emocional, mesmo que lançado com alguma pompa e circunstância. Os poetas populares do Rio da Prata diriam que era “uma revanche do tango”.

Passaram-se os anos e você já sabe o que aconteceu. Em 2011 chegou a cooperativa para alicerçar o inesperado e já acontecido. Desacato era um portal muito lido por estas bandas, e por outras também. Saímos do senso comum e isso sempre é salutar.

A linha editorial do portal se aprofundou e sua visão internacionalista, especialmente latino-americanista e caribenha, ganhou outros contornos dentro de uma visão classista, socialista e feminista. Mas não foi só. Em 2016 começou a se consolidar o grupo de profissionais que ainda hoje realiza as produções que apresentamos diariamente.

Também em 2016 se integrou por um período muito frutífero Caroline Dall ‘Agnol. Com ela sonhamos durante um ano ter um jornal em formato de TV Web. Era para ser apenas um dia só, preferivelmente as segundas-feiras, e teimosamente aconteceu. Lembro que naquele dia de lançamento, com todo o medo responsável e toda a agitação ante a ousadia eu disse: temos que ter o JTT todos os dias. Olharam-me com um misto de pena e incredulidade tal que não ousei falar isso até que não acontecesse.

Mas, a teimosia sempre foi nossa grife. Tempo depois da querida Caroline, com as imagens da Jana Machado, lançar o JTT de segundas, veio a versão do Extremo Oeste, com Claudia Weinman e as imagens de Julia Saggioratto. A ponte litoral-fronteira estava traçada. Mas faltava. Assim chegaram os JTT temáticos, Indigenista e Cultura. Mas, faltava um dia. Ou melhor, dois, porque o JTT Cultura era aos sábados.

Então, fim da história. Aquele sonho maluco que iniciamos com a “Carol” e que desde 2018 tem Rosangela Bion de Assis como apresentadora na capital, acrescenta Mayara Santos e a participação na Redação Aberta de Manuela Campagna. O Oeste terá a condução de Julia Saggioratto. É o almejado JTT Diário Ao Vivo. O Jornal dos Trabalhadores e Trabalhadoras irá ao ar, a partir do 2 de março, de segunda a sexta-feira, às 18 h.

 

Iremos caminhando e aprendendo juntos com os leitores e leitoras. Não será tarefa fácil, mas, com o passar dos dias se aperfeiçoará o produto e veremos coisas novas, originais na forma de transmissão e emitir a informação que, sem dúvida, será um novo marco em nossa humilde trajetória coletiva. Acompanhe-nos, é para você.

#Desacato13Anos

#RedeDeJornalismoSolidário

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.