Mãe flagra missionário estuprando a filha dentro de igreja em SP

Missionário é preso em flagrante por estupro de vulnerável dentro de igreja. Em depoimento, o homem confessou o crime e a criança também confirmou o abuso

Foto: Pexels

Uma menina foi estuprada dentro da Igreja Adventista do Sétimo Dia em Itanhaém, no litoral de São Paulo. O crime foi flagrado pela própria mãe da criança. O estuprador é um missionário de 31 anos. O nome dele não foi divulgado.

Segundo a Polícia Civil, a mãe levou a menina para igreja e, enquanto participava de uma reunião, a criança foi até a Sala Primária, onde são oferecidas aulas infantis, para pegar um brinquedo.

Na sala, estava o missionário. Quando a menina entrou, de acordo com o registro da ocorrência, o homem pegou a mão da criança, colocou em seu órgão genital e começou a movimentar.

A ação foi flagrada pela mãe da menina que, ao notar a ausência da filha, foi até a sala procurá-la. Em depoimento à polícia, a mãe disse que, quando entrou no local, o missionário estava de costas, mas percebeu que ele guardou algo dentro das calças quando ouviu a porta abrir.

A mãe levou a filha para longe do homem e perguntou o que tinha acontecido. A criança confirmou o abuso. Lideranças da igreja foram acionadas e, quando questionado, o acusado confessou o crime. A Polícia Militar foi até o local e encaminhou o homem para a Delegacia.

Durante o interrogatório, ele confessou que colocou a mão da criança em seu órgão sexual e falou ‘besteiras’ para a menina com conotações sexuais. A vítima foi encaminhada para exame de corpo de delito e o homem foi preso em flagrante por estupro de vulnerável. A Embaixada Peruana no Brasil foi comunicada do ocorrido (porque o abusador é dessa nacionalidade).

1 COMENTÁRIO

  1. PAIS E MÃES: ENSINEM SEUS FILHOS DESDE O BERÇO, não deixem todo mundo pegar, abraçar e beijar seus filhos. Não permitam que fiquem sob a guarda de estranhos à família, aliás, até na família é preciso estar atento, que dirá vizinhos, professores, pastores, etc. Frequentem a escola, a creche, escola religiosa e fale com outros pais, mantenha contatos. Escutem as crianças e fale a verdade com elas sobre a reprodução e o sexo, mostre exemplos, antes cedo do que tarde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.