Luxemburgo vai doar 100 mil euros para proteger o Xingu

mediaRaoni Metuktire, líder da etnia indígena brasileira Kayapo, está em turnê pela Europa para alertar sobre o desmatamento na Amazônia.REUTERS/Adriano Machado

 

Por RFI

O Luxemburgo anunciou nesta segunda-feira (20), durante a visita do líder indígena brasileiro Raoni, uma contribuição de € 100.000 (R$ 456.620,00) para proteger a Floresta Amazônica, de acordo com um comunicado oficial.

“Meu governo deseja propor uma contribuição financeira de € 100.000 à Associação Floresta Virgem”, disse o primeiro-ministro Xavier Bettel.

Esta contribuição será disponibilizada através de um fundo gerido pelo Ministério do Ambiente, Desenvolvimento Climático e Sustentável do Luxemburgo, afirma o governo.

Em sua viagem pela Europa este mês, Raoni quer alertar sobre o desmatamento na Amazônia e está tentando arrecadar EUR 1 milhão para a proteção da Reserva do Xingu no Brasil, ameaçada pela silvicultura e pela indústria de alimentos.

Depois de visitar Paris e Bruxelas na semana passada, Raoni fez uma escala nesta segunda-feira (20) no Grão-Ducado do Luxemburgo, um país destacado pela importância do setor financeiro em sua economia.

Em Paris, Raoni foi recebido pelo presidente Emmanuel Macron, no Palácio do Eliseu. O presidente francês postou um vídeo da visita em seu Twitter e teve o maior número de cliques (185.000) e compartilhamentos da semana.

Desenvolvimento sustentável na Bolsa

Desde 2015, o Luxemburgo tem acentuado a sua posição em relação ao financiamento do desenvolvimento sustentável.

Neste contexto, ele ocupa o primeiro lugar no mundo em termos de títulos verdes listados na Bolsa, graças à primeira plataforma de ações dedicadas aos valores sustentáveis, ecológicos e sociais, o Luxemburgo Green Exchange (LGX).

O país também reivindica 39% da participação no mercado europeu de fundos de investimento responsável, de acordo com a agência que promove o seu mercado financeiro, Luxemburgo para Finanças.

(Com informações da AFP)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.