Israel pressionou para a demissão de Roberto Alvim, como era previsível

Redação.- Segundo informações da jornalista Mônica Bérgamo na Folha, o embaixador israelense Yossi Shelley “falou diretamente com Jair Bolsonaro” para manifestar a incomodação da comunidade judaica no Brasil com o vídeo de apologia ao nazismo do agora ex-secretário de Cultura Roberto Alvim.

Leia aqui a matéria completa

 

Leia mais: “Alvim verbalizou o que o governo pensa”, diz teólogo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.