Irlanda: Martin McGuinness (1950-2017)

Martin McGuinness. Foto Tiocfaidh ár lá 1916/Flickr
Martin McGuinness. Foto Tiocfaidh ár lá 1916/Flickr

“Ao longo da sua vida, Martin mostrou grande determinação, dignidade e humildade e não foi diferente durante a sua curta doença. Era um republicano apaixonado que trabalhou incansavelmente pela paz e reconciliação e pela reunificação do país”, declarou Gerry Adams, o líder do Sinn Féin.

Martin McGuinness foi uma das figuras principais do IRA nos anos 1970 e chegou a ser preso. Assumiu um papel preponderante na ala política dos republicanos irlandeses e liderou as negociações de paz, criando uma relação de confiança com o líder dos unionistas Ian Paisley, falecido em 2014, que permitiu chegar a um acordo para dar uma solução política ao conflito, com a partilha do governo entre unionistas e republicanos.

Tony Blair, que era primeiro-ministro na altura da assinatura do acordo de paz, lembra agora que “sabemos que não o teríamos conseguido sem a liderança, a coragem e a determinação serena de Martin de que o passado não pode definir o futuro”.

McGuinness foi vice-primeiro-ministro da Irlanda do Norte até se demitir em janeiro deste ano, provocando eleições antecipadas por causa de um escândalo de corrupção envolvendo a primeira-ministra do Partido Democrático Unionista. O resultado da eleição colocou o Sinn Féin a apenas um deputado de distância dos unionistas.

Fonte: Esquerda.net.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.