Hoje, Aula Magna: A questão da Universidade – DCE UFSC

O Diretório Central dos Estudantes Luís Travassos da UFSC convida para a aula magna inaugural do semestre: A questão da Universidade.

Desde o golpe de 2016, vivemos uma conjuntura de cortes na educação e ataques à classe trabalhadora e estudantil. Mesmo com a relativa democratização do acesso ao ensino público superior promovida nos últimos anos, as políticas de permanência estudantil e de fortalecimento do ensino, pesquisa e extensão nas Universidades não acompanharam esse processo.


A Universidade hoje é ainda um espaço elitista e meritocrático, que não serve à formação humana, política, tecnológica, científica, cultural e social de grande parcela da sociedade brasileira que sempre esteve às margens desse processo.

O projeto político que aprovou a EC 95 (PEC 55) congelando os investimentos na saúde e educação por 20 anos, assim como a reforma trabalhista intensificando a exploração das e dos trabalhadoras(es), flexibilizando os critérios para o reconhecimento do trabalho escravo, também coloca para as Universidades, bem como nos moldes de 64 , a privatização do ensino público superior.
As diversas intervenções do MEC nos cursos universitários pelo Brasil, com censuras e ataques aos princípios constitucionais que garantem a autonomia e democracia universitária são uma realidade. No caso da UFSC, tentou-se aprovar a cobrança de taxas e o aumento do preço do Restaurante Universitário, assim como o aumento do valor da refeição para terceirizados, e a grave intervenção direta da Polícia Federal, que feriram diretamente o direito da autonomia universitária.

Para debater a construção de uma Universidade nesses moldes, oriunda do processo de colonização do país e da própria América Latina, que vivenciou diversas rupturas democráticas, convidamos a todas e todos para participarem desse debate sobre a realidade universitária brasileira, com o intuito de aprofundar a defesa da Universidade pública, gratuita, estatal e de qualidade. Com a proposta de debatermos projetos de Universidade transformadores, críticos e consequentes, contaremos com a presença dos palestrantes:

Cecília Brancher

Graduanda em Relações Internacionais na UFSC. É membra da Comissão da Memória e Verdade e da Comissão do Acervo de Direitos Humanos da UFSC. Trabalhou no Centro de Documentación do Museo de la Memoria y los Derechos Humanos, em Santiago do Chile, no ano de 2017. Membra do Diretório Central dos Estudantes Luís Travassos da UFSC (DCE UFSC), Gestão Ainda Há Tempo (2017/18).

Diógenes Breda

Economista pela UFSC, mestre em Estudos Latinoamericanos pela UNAM (México), ex-coordenador do DCE-UFSC gestão “Boas Novas”, 2009.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.