Greve na Celesc elogiada pelo poder público

greve-celesc

Depois de 10 dias acirrados a greve na Celesc acabou na tarde de 5 de outubro.

Há mais de 15 anos não acontecia uma greve tão longa e forte na empresa. O movimento muito responsável foi inclusive elogiado pela Procuradora do Trabalho, Cinara Graeff, que conduziu as audiências de mediação no Ministério Público do Trabalho. “Gostaria de agradecer os sindicatos por que tudo funcionou bem e as eleições nos dias 1º e 2 de outubro puderam se realizar tranquilamente. Isto mostra a responsabilidade social dos trabalhadores que se comprometeram a manter o sistema num período tão crítico”.


O fechamento do acordo prevê:

– Manutenção da garantia de emprego para todos os empregados por dois anos;
– Reajuste de 6,32% no salário fixo do mês de setembro e progressão de três referências na tabela salarial do Plano de Cargos e Salários;
– Reajuste no piso salarial de 9,38%;
– Aumento do vale alimentação de R$ 930,00/mês para R$1.020,00/mês (30 vales de R$34,00), incremento de 9,67%;
– Manutenção da gratificação de 25 anos, anuênio, licença prêmio e gratificação diferenciada de férias para os empregados admitidos até 30 de setembro de 2016.

Fonte: Celesc.

Você precisa estar logado para postar um comentário Login