Greve geral vitoriosa reúne milhares em Florianópolis e São Miguel do Oeste

Publicado em: 15/03/2017 às 17:15

Assista aos momentos mais importantes do dia em Florianópolis e no Extremo-Oeste.

Greve geral vitoriosa reúne milhares em Florianópolis e São Miguel do Oeste

Assista os momentos mais importantes do dia em Florianópolis e no Extremo-Oeste

Redação

19:15 15/3/17

Informes de Rosângela Bion de Assis, Caroline Dall ‘Agnol, Cláudia Weinman, Pedro Pinheiro, Marcelo Zapelini, Paulo Fortes e Sílvia Agostini

Edição de Janaína Machado, Tali Feld Gleiser, Raul Fitipaldi e Luca Gebara

A Greve Geral convocada pelas Centrais Sindicais e diversos movimentos e coletivos sociais aglutinou milhares de pessoas no Centro da Capital catarinense.

Antes do início da passeata, o Sintrasem realizou uma Assembleia Geral na Praça Tancredo Neves, lá foi entrevistada a diretora, Ana Cláudia Silva.

Em outros estados do Brasil e cidades de meio porte também acontecem manifestações e greves que têm como alvo principal rechaçar o projeto de Reforma da Previdência que quer impor o governo de Michel Temer, com ou sem apoio dos sindicatos, como mostra esta foto de Diário Liberdade

garis

Em São Miguel do Oeste, dirigente sindical avalia o Ato de hoje

Avaliação de Vaine Plautz, Presidente do Sindicato dos Servidores de São Miguel do Oeste, sobre o ato realizado na cidade neste 15 de março, com a participação de mais de mil pessoas.

As lutas do Oeste e da Capital se uniram, como confirma a entrevista a Sandra Sawazki, do Sinte de São Miguel do Oeste e Região

Em Florianópolis o Sintraturb aderiu à greve, mas, garantiu a frota para que as pessoas pudessem voltar aos seus lares

Pessoas de 20 municípios do Extremo Oeste Catarinense se deram cita em São Miguel do Oeste

O servidor Público Plaudenir Mallmann falando no ato em Frente da Prefeitura no dia de hoje. Ele menciona algo dito nos últimos tempos em São Miguel do Oeste, onde mencionava-se: “O Brasil será entregue aos demônios, a essa máfia, ao Capital Internacional”.

Trabalhadoras e trabalhadores da CASAN também aderiram, mas, garantiram o fornecimento de água em todo o estado

 

O povo migueloestino começo bem cedo sua mobilização

Deixe uma resposta