Greve geral. Atos em Florianópolis e no Extremo Oeste ao vivo, fotos e entrevistas

Conteúdo em desenvolvimento: 17:39

Marcha contra a Reforma da Previdência percorreu o microcentro da cidade e volta ao terminal de ônibus.

Começou pra valer a marcha contra a Reforma da Previdência em Florianópolis, ao ritmo de Arrasta Ilha. Assista:

Vereador Lino Peres, de Florianópolis, avalia o projeto de Reforma da Previdência, especialmente desde o efeito que ocasionaria na comunidade negra, combinada com as reformas já aprovadas pelo governo Temer.

 

Mulheres na luta contra a reforma da previdência se expressam no intervalo entre as marchas e mobilizações de hoje no Centro de Florianópolis. O 8M vem aí e a luta das mulheres vai crescer.

 

Pároco do município de Anchieta, no Extremo Oeste de Santa Catarina, Renéu Zortea, faz uma avaliação das manifestações de hoje naquela região, no fim dos atos marcados pelos movimentos sociais oestinos.

” – Quem sonega não somos nós e sim as grandes empresas”, disse à Claudia Weinman, Noeli Welter Taborda, do MMC – Movimento de Mulheres Camponesas.

A caminhada em Florianópolis, prévia ao ato unificado das 17 h continua, já com um bom número de manifestantes.

Trabalhadores e Trabalhadoras marcham pelo centro de Florianópolis, contornando a Praça XV.

Apesar da chuva, os movimentos sociais marcham pelas ruas de São Miguel do Oeste, com as filas tradicionais, ocupando a rua no centro da cidade, até a sede do banco Bradesco.

Trabalhadoras do MMC, Movimento de Mulheres Camponesas, adere à paralisação nacional. Fala de Noeli Welter Taborda. Também fala o coordenador estadual do Sinte/SC, Aldoir Krëmer.

Claudia Weiman entrevista o integrante da Frente Brasil Popular e membro do Movimento de Pequenos Agricultores, Charles Reginatto.

Mayara Santos entrevista o diretor do SINTE de Santa Catarina, Luiz Carlos Viera, na Praça de Lutas, como é conhecido o largo no aterro Sul, onde se concentram as grandes mobilizações, no centro de Florianópolis.

Primeiro informe ao vivo desde São Miguel do Oeste.

Trabalhadores da Saúde também aderiram à paralisação em Santa Catarina. Caroline Dall ‘Agnol entrevista à diretora do Sindsaúde, Edileuza Fortuna, ao vivo.

Criciúma adere a greve e manifestantes fazem ato em frente ao INSS.

A frente da loja Havan em Chapecó teve faixas expostas denunciando a sonegação da empresa e contra a Reforma da Previdência.

Manifestantes bloqueiam entrada à loja Havan em Chapecó.

#QueroMeAposentar Aprovada paralisação por 24 horas na Comcap

Continua a assembleia dos trabalhadores da Comcap, siga ao vivo:

Tansmisão da Assembleia da Comcap ao vivo.

(Também, nesta transmissão: Mayara Santos entrevista Tiago Bittencourt da Eletrosul, Sinergia, Intersul e Frente Brasil Popular.)

Caroline Dall ‘Agnol, entrevista presidenta da CUT de Santa Catarina, Ana Júlia Rodrigues.

Mayara Santos entrevista René Munaro, diretor do Sintrasem, no pátio da Comcap, no bairro de Estreito, Florianópolis.

Paralisação total do transporte coletivo de passageiros em Florianópolis e Região.

Queima de pneus na SC 401, norte da Ilha de Santa Catarina, às 6:45.

Trabalhadores e trabalhadoras da Comcap se preparam para a Assembleia que decidirá a respeito da greve.

Informe de Caroline Dall ‘Agnol e Mayara Santos, desde o pátio da Comcap,  no bairro de Estreito em Florianópolis.

Bom dia!

O transporte coletivo de passageiros está paralisado desde a meia-noite e o Centro de Florianópolis vazio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here