Governo Bolsonaro: Pela primeira vez em 25 anos, Brasil não atinge nenhuma meta de vacinação

Desde 1994, o país conseguia vacinar 95% do público-alvo em pelo menos uma das 15 vacinas do calendário público

Foto: Cesar Brustolin/SMCS

Levantamento realizado pelo Ministério da Saúde revelou que o primeiro ano do governo de Jair Bolsonaro foi marcado por mais um retrocesso, desta vez no campo da saúde. Pela primeira vez desde 1994, ano em que a estatística começou a ser computada, o País não atingiu nenhuma meta de vacinação.

A meta em questão consiste em vacinar 95% do público-alvo em pelo menos uma das 15 vacinas do calendário público. Contudo, o mais próximo que o País chegou deste número em 2019 foi com a vacina tríplice viral, que está com 91,7%.

De acordo com o UOL, o Brasil possui um dos melhores sistemas públicos de vacinação do mundo. O Programa Nacional de Imunizações (PNI) foi criado em 1973 e hoje conta com 15 vacinas gratuitas aplicadas antes dos dez anos de idade no País. Foi com esse sistema público de vacinação que o Brasil conseguiu erradicar doenças como o sarampo, rubéola e poliomielite.

Uma das quedas de vacinação no governo Bolsonaro é a da vacina BCG, dada nos bebês logo ao nascer. Ela previne contra as formas graves de tuberculose e tem dose única. Em 2019, no entanto, essa cobertura ficou em apenas 84,1%.

 

Assista à Vida em Resistência

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.