“Fazer greve não dá resultado”, eles disseram

 

Cartaz em posto de gasolina no bairro de Campinas, São José/SC

Por Mayara Santos (texto e fotos), de São José/SC, para Desacato.info

Já cansados dos “prejuízos” de apoiar uma greve, os pequenos burgueses começam a entregar os pontos, começam a fazer o prenúncio do fim daquilo que é (ou seria, ainda não cheguei à conclusão) algo grandioso. Se ontem apenas os carros movidos a gás abasteciam calmamente, hoje veículos e mais veículos se enfileiram e trancam a avenida principal do bairro em busca de uma gota da recém-chegada gasolina.

Carros enfileirados em Campinas, bairro de classe média do município de São José/SC

Você já deve ter ouvido falar que “classe média sofre”. Pois é, presenciei esse sofrimento travestido de homem branco empurrando seu carro de luxo na fila porque o combustível havia acabado. Seria cômico se não fosse trágico.

   

Preço da gasolina em São José/SC, por volta das 15:30 h

Claro, trágico para aqueles que realmente precisam que esta greve tivesse um resultado eficiente e eficaz, que colocaram todas as suas forças à disposição de um bem maior em comum.

E a pior parte é que aqueles que têm parte no golpe são os mesmos que bradaram a plenos pulmões que “são todos caminhoneiros”, mas nem tanto, afinal, a greve só pode continuar contanto que meu tanque e minha geladeira estejam cheios.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.