Elogio do pé de cabra

Por Paulo Pappen, para Desacato.info.

O pé de cabra, também chamado pé de cabrito pelo seu Valdecir, é uma ferramenta loca de especial porque com ele tu pode fazer milhões de coisas.

Talvez por se parecer com o pé do demo, ele é a ferramenta ideal pra situações infernais. Por exemplo ele é perfeito pra tirar aquele prego encravado na madeira ou mesmo aquele parafuso que escorreu a rosca e agora tu não consegue mais desparafusar.

Pedreiro que se preze não deixa o pé de cabra na chuva e pode até viver perdendo a trena e quebrando o cabo do martelo, mas ele sempre saberá onde repousa o seu pé de cabra. O famoso pirata Pata de Cabrón tinha esse nome porque, em vez de perna de pau, usava um pé de cabra pra caminhar. E não é por nada que expropriadores de respeito como o Arlindo Higuita, que atuou muitos anos em Caxias, só usam o pé de cabra. Pé de cabra abre até segredo de estado.

Portanto, na hora da insurreição, passa a mão no pé de cabra e sai na rua tranquilão.

O pé de cabra vai servir pra abrir aquele portão nazista do depósito do supermercado.

O pé de cabra vai servir pra afastar os arames fascistas enquanto a galera pula a cerca.

O pé de cabra vai servir pra entortar os raios da bicicleta do inimigo, impedindo que ele te alcance na perseguição.

Mas nem só de pé de cabra vive uma revolta popular.

Outras ferramentas serão necessárias em atividades delicadas como gatear a luz de algum poste e reparar o vazamento no banheiro do prédio ocupado. Então vê se combina antes com os companheiros e as companheiras pra não sair todo mundo com pé de cabra. Alguém tem que levar alicate de corte e fita isolante, e outra pessoa não pode deixar de levar uma chave teste pra evitar perdas humanas que seriam tristes desfalques nesse primeiro momento da revolução.

Paulo Pappen é de Caxias do Sul, torce pro Caxias e gosta de literatura, anarquia e marcenaria.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.