Editorial

Florianópolis, 5 de janeiro de 2015.

2015 será percorrido pelos 3 anos da Cooperativa de Produção em Comunicação e Cultura – CpCC e os 7 anos do Portal Desacato. Avaliar o realizado até agora, fortalecer o serviço jornalístico e aumentar a visibilidade dos Movimentos Sociais e da Classe Trabalhadora, continuará no topo da pauta cotidiana do nosso coletivo.

Para cumprir com o dever jornalístico e cultural de dar vazão À Outra Informação, nosso mote principal, e constituir-nos na Mídia dos Trabalhadores, como diz nosso slogan de serviços para a classe, devemos considerar a brutal assimetria que existe entre as redes monopólicas e os que pretendem visibilizar os excluídos do Mundo. Essa assimetria é proporcional à desigualdade que existe no Brasil entre os que mais possuem e os que nada têm; temos tratado de reduzi-la com mais militância.

No entanto, nem sempre o valor moral militante comporta as necessidades básicas de um empreendimento cooperado para fazer frente às empresas nacionais e transnacionais que monopolizam os meios. Temos crescido sem parar e evoluímos concretamente, mas, não é o suficiente, é o mínimo apenas.

O favor que os leitores nos concedem precisa de uma postura mais firme da Classe Trabalhadora organizada para defender, objetiva e subjetivamente, veículos como este. Devemos estimulá-la e ela precisa responder. Só dessa forma poderemos dar cobertura local e estadual firme, constante e crescente, às diversas lutas que acontecerão em nosso Estado sede: Santa Catarina.

Haveremos de propor, de instar e, sobretudo, de trabalhar para vencer este desafio. Precisamos angariar força e recursos que qualifiquem nossos jornalistas e cooperados para iniciar uma batalha diária contra os monopólios que invisibilizam os mais fracos, seus anseios e demandas, ou os distorcem.

Precisamos de você como estudante, trabalhador, militante e formador de opinião para iniciar a tarefa de desconstruir o discurso do sistema. Contamos com sua parceria. Feliz 2015 e vamos lá!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.