Dilma veta venda de medicamentos em supermercados

Terra.- A presidente Dilma Rousseff resolveu vetar a liberação da venda de medicamentos que não precisem de prescrição para ser comprados. A decisão, que teve como base a análise dos ministérios da Saúde e da Justiça, foi publicada nesta sexta-feira no Diário Oficial da União.

“A ampliação da disponibilidade de medicamentos nos estabelecimentos em questão dificultaria o controle sobre a comercialização. Ademais, a proposta poderia estimular a automedicação e o uso indiscriminado, o que seria prejudicial à saúde pública”, argumentou a presidente em seu veto.

A publicação traz ainda na lista de lugares que poderão dispor de medicamentos que não dependam de receita médica, estabelecimentos hoteleiros e similares, para atendimento exclusivo aos seus usuários.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here