Deputados de Bolsonaro entram com pedido de prisão preventiva de Lula na PGR

Foto: Gibran Mendes/Brasil de Fato

Depois de o presidente Jair Bolsonaro ameaçar prender o ex-presidente Lula por meio da Lei de Segurança Nacional, foi a vez de dois deputados da ala bolsonarista do PSL pedirem prisão de Lula. Os parlamentares solicitaram que o Procurador-Geral da República, Augusto Aras, faça um pedido de prisão preventiva contra o ex-presidente. O senador Major Olímpio (PSL-SP) também apresentou um requerimento com a mesma reivindicação.

Segundo a colunista Mônica Bergamo, da Folha, os deputados federais Sanderson (PSL-RS) e Carla Zambelli (PSL-SP) acionaram Aras afirmando que o ex-presidente incita “a violência com o intuito de promover desagregação, confusão e balbúrdia”.

A base usada por eles é o discurso feito pelo ex-presidente Lula em São Bernardo do Campo (SP), no sábado. O trecho citado por eles é o seguinte: “A gente tem que seguir o exemplo do povo do Chile, do povo da Bolívia, a gente tem que resistir […] Na verdade, atacar e não apenas se defender”. Pouco antes, Olímpio havia feito a mesma solicitação ao PGR.

Essa ação demonstra o medo dos bolsonaristas com a mobilização prometida por Lula, agora que o ex-presidente está solto após 580 dias preso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.