Consuni se reúne amanhã e avalia demandas de estudantes para acordo

Caso as propostas sejam aprovadas, estudantes se reunirão em assembleia para deliberar possibilidade de desocupação

Foto: Claudia Weinman, para Desacato. info.

Órgão máximo da UFFS, o Conselho Universitário (CONSUNI) se reúne nesta quarta-feira (18) em Sessão Ordinária. Entre as pautas que serão apreciadas pelos conselheiros, está a proposta de acordo enviada pelos estudantes do movimento Ocupa UFFS para que o prédio da Reitoria seja desocupado.

As demandas, apresentadas na segunda-feira (16), incluem:

Convocação de sessão especial do Conselho Universitário para deliberação do pedido de recomendação da destituição de Marcelo Rocktenvald do cargo de reitor, a qual deverá ocorrer até a data limite de 30 de setembro de 2019;

Convocação de assembleia da comunidade acadêmica para, em caráter consultivo, se manifestar sobre a proposta de destituição de Marcelo Rocktenvald do cargo de reitor, a qual deverá ocorrer antes da sessão mencionada no item 1.

Convocação de sessão especial do Conselho Universitário para deliberação da não adesão da UFFS ao programa Future-se, a qual deverá ocorrer até a data limite de 30 de setembro de 2019;

Convocação de assembleia da comunidade acadêmica para, em caráter consultivo, se manifestar sobre a não adesão da UFFS ao programa Future-se, a qual deverá ocorrer antes da sessão mencionada no item 1;

Compromisso do Conselho Universitário de não haver prejuízos disciplinares e acadêmicos aos estudantes e aos servidores devido ao envolvimento em manifestações

5.1 Especificação dos prejuízos disciplinares

5.1.1 Garantia do livre direito a manifestação nos Campi e reitoria mesmo após a resolução da conciliação;

5.1.2 Garantia de não retaliação por processo administrativo ou qualquer outro instrumento punitivo aos envolvidos na manifestação;

5.2 Especificação dos prejuízos acadêmicos:

5.2.1 A restituição de presença dos estudantes envolvidos nas manifestações entre primeiro de setembro até a data da resolução de conciliação;
5.2.2 Garantia de reposição dos conteúdos aplicados durante o período das manifestações;

5.2.3 Garantia de prazo mínimo de 30 dias para entrega de atividades de restituição de presença após apresentação das mesmas;

5.2.4 Garantia que as avaliações postadas no plano de ensino sejam aplicadas após a efetiva reposição dos conteúdos;

5.2.5 Garantia da reaplicação das avaliações realizadas durante o período de manifestação aos estudantes envolvidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.