Com espetáculo Aladdin, a coreógrafa Ana Garvik apresenta a magia dos musicais em Florianópolis

A clássica história Aladdin, da Disney, será apresentada ao público nos sábados 12, 19 e 26 de maio da maneira mais mágica possível: através de um musical, algo raro na cidade. Os espetáculos ocorrerão no Teatro Pedro Ivo, na SC 401, sempre às 16h.

Estão na direção de Aladdin, O Musical a bailarina e coreógrafa Ana Garvik, proprietária da academia Movidança – com sede na Lagoa da Conceição e que, em 2018, completa cinco anos de atividades em Florianópolis – e o ator e cantor Gustavo Malheiros, que possui experiência em musicais.

Foto: Isabela Martins

Ana morou na Suécia, onde teve a possibilidade de assistir a musicais de alto nível técnico em países da Europa e nos Estados Unidos, que são vanguardas do gênero. Mas foi 15 anos atrás, quando morava em São Paulo e participou de títulos que já são verdadeiros clássicos como Cabaret e A Noviça Rebelde, que se apaixonou por esse estilo que mistura dança, canto e atuação.

Unindo toda a sua bagagem de inspiração, a experiência do bailarino Gustavo Malheiros e uma história encantadora e emocionante como a de Aladdin, a bailarina espera agradar todos os gostos e contribuir para ampliar público para musicais em Santa Catarina:

– O Musical em específico traz uma mágica em especial, pois apresenta diferentes talentos artísticos. Não é só dança, só canto ou só teatro, mas uma mistura de um pouco de cada. É poder contar uma história de forma leve, agradável, pois as cenas acontecem e a história é contada através de uma música, uma movimentação de dança, ou na expressão de um ator. Tudo isso junto e misturado, e sempre em harmonia. É incrível essa possibilidade de agradar aos mais diferentes públicos porque o musical é algo alegre, divertido.

Foto: Isabela Martins

Além da trilha sonora ser a original da Disney, conhecida por grande parte do público, haverá três trocas de cenário e quase 40 figurinos. Aladdin é o resultado de uma combinação de muito talento, dedicação e efeitos de encher os olhos, que farão o público presente se envolver na história e entrar no mundo da fantasia.

O charme de Aladdin

A escolha por levar Aladdin para o palco do teatro se deu principalmente pela afinidade que Ana Garvik teve com a história: Um rapaz pobre, malandro, que dá seus jeitos para conseguir sobreviver. Para ajudar outros que, como ele, também  passam fome, rouba alimentos na feira.

“Nosso musical também fala sobre a desigualdade social, que é muito forte na história. Ele se apaixona por uma princesa, mas por não ter um bom poder aquisitivo e uma posição favorável na sociedade, fica impedido de viver esse amor“, comentou a coreógrafa.  Ela disse que outra personagem que a fez escolher a história de Aladdin é o Gênio da Lâmpada “porque ele é alegre, engraçado, que traz  diversão e descontração para as cenas”.

Sonho realizado

Gustavo Malheiros, artista que já trabalhou com musicais em São Paulo durante muito tempo, é o parceiro da coreógrafa  no desafio de fazer de Aladdin um espetáculo encantador. Ana lembra que, com muito profissionalismo e conhecimento em dança, Gustavo incentivou a realização do projeto em Florianópolis. Ambos avaliam que a cidade tem espaço para esse tipo de espetáculo, o que fortalece a ideia também de formar artistas completos para atuar em musicais, sem que haja a necessidade de trazer profissionais de outros lugares para o elenco.

 – Estamos trabalhando com muito empenho. Todos os artistas têm se dedicado de corpo e alma no projeto. Acredito que faremos um grande musical, com grandes profissionais formados em Santa Catarina.

Serviço:

“Aladdin, O Musical”

Data: 12, 19 e 26 de maio
Horário: 16h
Ingressos: pontos de venda
– bilheterias do TAC, Pedro Ivo e CIC.
– site  www.ingressorapido.com.br
– Escola de Dança Espaço Movidança
– Salão de Beleza LArt

 Foto de capa: Isabela Martins
Assessoras de Imprensa:
Linete Martins
9 9129 5347
Luiza Coan
9 8816 4376

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.