Brasil bate recorde e tem 141 mortes por coronavírus em 24h

Por Giovanna Galvani.

O Brasil registrou na quinta-feira 09 um total de 17.857 casos confirmados de coronavírus, e 941 mortes em decorrência de complicações causadas pela covid-19. Esses números marcam um novo recorde de óbitos nas últimas 24h, são 941 a mais, e bate, pelo segundo dia seguido, na casa da centena de mortes. Também há o registro de mais 1930 casos confirmados. As informações foram divulgados pelo Ministério da Saúde. O índice de letalidade do vírus no País chega a 5,3%.

A pasta divulgou dados sobre o coeficiente de incidência do vírus no País, com base em 100 mil habitantes. Na lista, Fortaleza aparece em primeiro lugar, com coeficiente de 43,9. São Paulo aparece em segundo lugar, com 40,4. Em terceiro lugar, aparece Manaus, entorno e Alto do Rio Negro (AM), com 28,1.

Também foi medido o coeficiente de mortalidade, com base em 100 mil habitantes. No levantamento, São Paulo aparece no topo, com 2,8. Fortaleza na sequência, com 1,5; e Rio Negro e Solimões (AM), com 1,3. O índice é o mesmo de Franco da Rocha, município da região metropolitana de São Paulo.

O país tem 3871 hospitalizações confirmadas para coronavírus e 27.842 casos de síndrome respiratória aguda em investigação.

São Paulo ainda lidera o número de casos e óbitos, com 7.480 infectados e 496 mortes no total. O estado é seguido pelo Rio de Janeiro, com 2216 casos e 122 mortes, e depois pelo Ceará, com 1425 casos e 55 óbitos.

Até o momento, o Tocantins é o único estado que não registrou nenhuma morte em seu território. A região Norte, no entanto, está sob forte alerta por conta da situação do Amazonas, que tem 899 casos e 40 mortes e a maior taxa de infectados a cada 100 mil habitantes, segundo informações divulgadas pelo Ministério na quarta-feira 08. A preocupação também passa pela contaminação de comunidades indígenas.

Confira o número de cada estado abaixo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.