Ato de resgate do Tambor ‘Preso’

2017-03-31 11:26

9

A Polícia Militar do Estado de Santa Catarina resolveu acabar com a manifestação cultural de samba de roda, na terça feira de carnaval deste ano, na pracinha da Lagoa, e prender o tambor usado na roda.

O samba de roda foi registrado como Patrimônio Cultural do Brasil pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 2004 e proclamado Obra-Prima do Patrimônio Oral e Imaterial da Humanidade pela Unesco em 2005.

Como se não bastasse a apreensão do tambor, resolveram deixar ele retido até o dia de hoje. Logo o símbolo máximo de uma cultura afro centrada.

Nesta segunda feira, dia 03 de abril, iremos fazer o resgate de nosso símbolo.

Convidamos todas e todos que se envolvem de alguma forma com a cultura do tambor para estar na frente do 4° batalhão da polícia Militar nesse ato simbólico de resgate. Estaremos em silêncio e de branco, pois se um tambor está preso, estamos juntos!

O batalhão se localiza na rua Feliciano Nunes Pires, 25 centro de Florianópolis, a primeira rua a direita na Av. Rio Branco, de quem vem pela praça dos bombeiros.

Evento no facebook: https://www.facebook.com/events/1305068909570003/.

Deixe uma resposta