Assédio e abuso no transporte público não é normal!

Publicado em: 31/08/2017 às 11:31
Assédio e abuso no transporte público não é normal!

não me encoxa

2014: Integrantes de um grupo feminista distribui alfinetes para mulheres se defenderem dos encoxadores do metrô de São Paulo.

Os objetos foram distribuídos no horário de pico da manhã na porta da estação Capão Redondo, na zona sul da cidade.

Os alfinetes, dados em um saquinho plástico, acompanhados de um papel com a frase “Não me encoxa que eu não te furo”.

A campanha foi organizada pelo Movimento Mulheres em Luta, criado em 2008 e ligado ao CSP-Conlutas (Central Sindical e Popular).

Caso de ejaculação em ônibus não configura estupro, afirma juiz

2017: Justiça manda soltar homem que assediou mulher em ônibus e tem 5 passagens por estupro.

Um cara que ejacula em uma mulher que está sentada no ônibus.

E isso não é um caso novo, nem raro, nem uma novidade. Amigas próximas já passaram por coisas semelhantes, de homens se masturbando no metrô e olhando pra elas, de olhar pra trás na condução lotada e o cara estar com o ziper aberto, encoxando.

Se antigamente as mulheres não podiam sair nas ruas, hoje o medo do assédio, do abuso e da violência é o que as impedem.

O nosso corpo é objetificado a todo momento, a cada segundo. Quando seremos vistas como seres humanos?

 

Fonte: As Mina na História

Deixe uma resposta