Aprovado, Plano Diretor segue para sanção do prefeito

Publicado em: 07/01/2014 às 08:45

imagem29973_1O texto final do Plano Diretor de Florianópolis foi aprovado na tarde desta segunda-feira, 6, na Câmara de Vereadores. Agora, o documento segue para a sanção do prefeito César Souza Jr, que tem 15 dias para analisar e validar o plano.

Ao todo, o documento recebeu mais de 300 emendas. 16 vereadores votaram a favor da redação final do plano, 3 se posicionaram contra e 4 não compareceram à sessão (abstenção). Confira abaixo a lista de como votou cada vereador.

Pouco depois da votação, houve conflito entre manifestantes e policiais na Rua dos Ilhéus. Pelo menos uma pessoa foi detida, mais de uma ficou ferida. Soldados usaram cassetetes e spray de pimenta. Houve corre-corre. Na sequência, pedras, cones e lixeiras foram atiradas contra os policiais, que se posicionaram em frente à Câmara. A reportagem do DeOlhoNaIlha não sabe precisar o que provocou o confronto.

Primeira votação

A primeira votação do texto do Plano Diretor ocorreu no dia 26 de dezembro. O tema mais discutido então foi a Ponta do Coral.

Conforme informações da assessoria de imprensa da Câmara Municipal, a proposta que permitia a construção de um hotel de até 16 andares no local recebeu 21 votos contrários, a emenda que pretendia passar o local para Área Verde de Lazer foi derrubada por 12 votos a 10 e a sugestão que buscava transformar 50% do espaço em área residencial, permitindo prédios de até seis andares teve 20 votos contrários e duas abstenções.

Por fim, os parlamentares aprovaram por maioria tornar a Ponta do Coral Área Turística de Lazer, o que permite no local a construção de até seis pavimentos. Podem ocupar até 50% da área construções como um hotel pequeno, centro de convenções ou marina.

Segunda votação

No dia 30, ocorreu a segunda votação, que começou pelas emendas que receberam encaminhamento contrário da equipe técnica do Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (IPUF). Além das 147 propostas rejeitadas na primeira sessão, outras 59 também foram reprovadas no segundo dia de votação.

Logo depois foram analisadas em bloco as emendas que tiveram parecer favorável do IPUF e na sequência as propostas destaques que os parlamentares solicitaram para votar individualmente. No total 305 emendas foram aprovadas e 286, rejeitadas.

A FAVOR

César Luiz Belloni Faria (PSD)

Erádio Manoel Gonçalves (PSD)

Guilherme Pereira de Paulo (PSD)

Marcos Aurélio Espíndola (PSD)

Célio João (PMDB)

Edinon Manoel da Rosa (PMDB)

Jerônimo Alves Ferreira (PRB)

Dalmo Deusdedit Meneses (PP)

Paulo Berri

Guilherme Botelho da Silveira (PSDB)

Roberto Katumi Oda (PSB)

Edmilson Carlos Pereira Junior (PSB)

Marcelo Fernando de Oliveira (PDT)

Vanderlei Farias (PDT)

Waldyvio da Costa Paixão Júnior (PDT)

Aldérico Furlan (PSC)

ABSTENÇÕES

Deglaber Goulart (PMDB)

Tiago da Silva (PDT)

Celso Francisco Sandrini (PMDB)

Matheus Felipe de Castro (PC do B)

CONTRA

Pedro de Assis Silvestre (PP)

Lino Fernando Bragança Peres (PT)

Afrânio Tadeu Bopré (PSOL)

Fonte: De Olho na Ilha.

Foto: Felipe Lenhart/DeOlhoNaIlha

Deixe uma resposta